Plano de Gestão para a candidatura do Conjunto Moderno da Pampulha a Patrimônio Mundial
Ano: 2014 a 2016
Tema: Instrumentos urbanísticos e preservação do patrimônio
Localização: Belo Horizonte/MG
Contratante: Fundação Municipal de Cultura
A elaboração deste Plano de Gestão integrou as exigências da UNESCO para a composição do dossiê de candidatura do Conjunto Moderno da Pampulha a Patrimônio Mundial. O Plano de Gestão objetiva identificar os responsáveis pela gestão do bem candidato, apresentar e analisar a legislação urbanística e ambiental vigente e os planos, programas e projetos elaborados e propostos incidentes sobre o território em estudo e que se relacionam com a preservação do patrimônio cultural, além do arranjo institucional já estabelecido ou previsto para a gestão e as ações de curto e médio prazo ou ainda permanentes para tratar das principais deficiências identificadas. A Práxis elaborou ainda os mapas que ilustraram o dossiê e integrou a equipe interdisciplinar responsável pela candidatura, composta por representantes de vários órgãos nos três níveis de governos, participando de todas as fases do processo até a sua aprovação. O Conjunto Moderno da Pampulha obteve o título de Patrimônio Cultural da Humanidade em julho de 2016. A efetiva implementação do Plano proposto representa grandes desafios à gestão do patrimônio cultural, não só no que se refere à integração das ações previstas, mas também à viabilização dos recursos e ao cumprimento dos prazos estipulados na Matriz de Responsabilidades.
2014 a 2016
Conjunto Moderno da Pampulha
2007 a 2009
Conjunto Urbano da Pampulha
2001 e 2002
Monumenta
1998 a 1999
ADE de Santa Tereza
1996
Conjuntos Urbanos de Interesse Cultural de BH