Plano de Preservação do Conjunto Urbano da Pampulha
Ano: 2007 a 2009
Tema: Instrumentos urbanísticos e preservação do patrimônio
Localização: Belo Horizonte/MG
Contratante: PBH-Fundação Municipal de Cultura/PATRIMAR/SOMATOS
Este Plano, licitado pela Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, veio atender à condicionante estabelecida pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA) para a aprovação de projeto integrante do Programa de Desenvolvimento e Recuperação da Bacia da Pampulha (PROPAM), desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Belo Horizonte. O Plano foi elaborado para a área de tombamento do entorno do Conjunto Urbano da Pampulha, estabelecida pelo IEPHA e apontou soluções de planejamento, desenho urbano e paisagismo para a área, de forma a dinamizar usos e manter as características da ocupação, implementar melhoria do ambiente urbano e valorização das áreas públicas, conferindo às mesmas condições de vida compatíveis com o seu potencial e sua importância. Utilizado como referência para intervenções posteriores na área, teve ainda muitas de suas diretrizes e propostas integradas ao Plano de Gestão concebido como parte do Dossiê de Candidatura do Conjunto Moderno da Pampulha a Patrimônio Mundial, aprovado em 2016 pela UNESCO. O Plano de Preservação do Conjunto Urbano da Pampulha foi vencedor em 2010 da categoria Urbanismo e Paisagismo – Planos e Projetos da 12ª Premiação de Arquitetura do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), Departamento de Minas Gerais.
2014 a 2016
Conjunto Moderno da Pampulha
2007 a 2009
Conjunto Urbano da Pampulha
2001 e 2002
Monumenta
1998 a 1999
ADE de Santa Tereza
1996
Conjuntos Urbanos de Interesse Cultural de BH